Tuesday, December 23, 2008

Not crying (note to self)

Eu choro de saudades, às vezes. Mas chega. Amanhã é natal e eu bem que queria estar em casa (home), mas não estou, então vou aproveitar aqui o melhor que eu puder. Sem árvore de natal, sem família, sem amigos, mas não sozinha. Por mais que seja assim que eu me sinta de vez em quando, passa. Eu só preciso lembrar de todas as oportunidades, todas as coisas novas, todas as coisas boas que aconteceram aqui em Denver e desde que eu vim morar aqui.
Que vontade de ligar pra todos vocês, mas provavelmente não vou conseguir. Não quero e não posso passar a noite de natal trancada no quarto falando no computador. Estarei pensando em todos os pequenos rituais, embrulhar presentes de última hora, levar tudo pro carro, se aprontar, ir pra casa da tia debaixo da chuva que sempre cai no natal, cozinha lotada e quente, primos, comer camarão, cereja, panetone, família reunida, amigo secreto, contagem pra meia-noite, tudo perfeito. Saudades.
Espero que vocês possam aproveitar a companhia de cada um e espero falar com vocês, pelo menos um pouquinho, pelo celular.
E pro Rô, I'm with you :)

3 comments:

Mati said...

Jeje, tambem sentimos muitas saudades mas temos nos falado com frequencia. Nao teve cereja este ano (cara e estava feia..). Mas muito camarao e tal..
Voce falou com todos! Feliz Natal, voce estava presente na nossa festa sim! (no coraçao de todos!) Beijao.

Ce said...

Je, lembre que o que faz vc se sentir sozinha, é apenas a distância. Por mais sozinha que vc se sinta, vc não está realmente sozinha, pq sempre pensamos em vc!

Simone said...

ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh
Prima!!!!
Sodades docê!
Tomei muita água de cocô, sorvete, camarão, churrasco, cerveja, champagne, pulei 7 ondinhas, acendi velinha e mandei um postal pra vc!!!!
Beijo